Covid-19: Brasil tem 120.462 mortes e 3.846.153 casos da doença

Ministério da Saúde contabilizou 958 óbitos e 41.350 infecções nas últimas 24 horas.

Mais de 24,8 milhões pessoas foram infectadas em todo o mundo

O Brasil registrou neste sábado (29) 41.350 casos confirmados de covid-19 e 958 mortes pela doença provocada pelo novo coronavírus.

De acordo com as informações do Ministério da Saúde, o país tem 120.462 mortos e 3.846.153 casos desde a primeira notificação.

Ainda segundo o balanço do governo federal, 3.006.812 pessoas se curaram da doença e outras 719.079 estão em acompanhamento.

Também neste sábado, o Estado de São Paulo ultrapassou os 800 mil casos de covid-19, e soma um total de 29.944 mortes pela doença.

Veja a situação em cada estado do Brasil

São Paulo: 801.422 casos

Bahia: 254.790 casos

Rio de Janeiro: 222.957 casos

Ceará: 214.094 casos

Minas Gerais: 212.565 casos

Pará: 198.246 casos

Distrito Federal: 159.526 casos

Maranhão: 150.895 casos

Santa Catarina: 146.404 casos

Goiás: 130.316 casos

Paraná: 128.967 casos

Rio Grande do Sul: 124.416 casos

Pernambuco: 124.151 casos

Amazonas: 119.859 casos

Espírito Santo: 110.025 casos

Paraíba: 105.531 casos

Mato Grosso: 89.962 casos

Alagoas: 78.483 casos

Piauí: 76.033 casos

Sergipe: 72.280 casos

Rio Grande do Norte: 61.507 casos

Rondônia: 54.496 casos

Tocantins: 49.651 casos

Mato Grosso do Sul: 48.023 casos

Roraima: 43.299 casos

Amapá: 42.771 casos

Acre: 24.601 casos

Por que o Álcool 70% é eficaz contra o novo coronavírus?

A pandemia causada pelo Covid-19 desencadeou uma corrida pelo álcool em gel 70%, produto comprovadamente eficaz na batalha contra a infecção pelo vírus. Mas porque álcool 70% e não 80, 90 ou 100%?

O álcool 70% é o mais utilizado no processo de antissepsia da pele porque age de maneira instantânea nos microrganismos e de forma satisfatória na prevenção de infecção.

Nessa concentração, sendo 70% de álcool isopropílico e 30% água, o produto é ótimo para atividade bactericida, pois desnatura as proteínas dos microrganismos, atuando na membrana plasmática ou na parede celular bacteriana, inibindo sua síntese e provocando sua destruição. E isso acontece rapidamente na presença de água, pois facilita a entrada do álcool nos microrganismos.

Algumas vantagens do álcool 70% para antissepsia da pele:

  • Bactericida de ação rápida
  • Baixo custo
  • Hipoalergênico
  • Incolor e não deixa resíduo
  • Fácil de manipular